Comprar ou alugar consultório? Entenda as vantagens e desvantagens de cada modalidade

Compartilhe:
Comprar ou alugar consultório

Sumário

Profissionais de saúde em começo de carreira – e até aqueles que já atuam na área há algum tempo – muitas vezes ficam em dúvida sobre comprar ou alugar consultório. Ao mesmo tempo em que investir em um espaço próprio traz benefícios, a locação de uma sala também pode fazer sentido, dependendo do perfil de atendimento.

Neste artigo, não vamos dar uma resposta definitiva. Afinal, como dissemos acima, tudo depende do estilo de trabalho de cada profissional. O que vamos fazer é apontar alguns caminhos, ajudar a refletir sobre essa escolha e, quem sabe, dar uma mãozinha na sua tomada de decisão.

Confira o conteúdo completo a seguir!

Modalidades de consultório

Como você sabe, seja para quem for comprar ou alugar consultório, há algumas modalidades a serem consideradas. É sobre elas que vamos falar neste primeiro tópico. Acompanhe!

Consultório particular

No consultório particular, profissionais de saúde costumam atender seus pacientes sozinhos, sem que outros especialistas façam parte do empreendimento. Assim, ao mesmo tempo em que têm mais autonomia para decidir a localização, decoração, horários e outros detalhes relacionados ao atendimento, os custos não são divididos com ninguém.

Consultório compartilhado

O consultório compartilhado é uma opção bastante popular por uma série de fatores. Além de permitir a divisão de custos operacionais entre dois ou mais profissionais de saúde, eles ainda são uma porta de entrada para novos pacientes, por meio do relacionamento com esses colegas e pelo próprio movimento de pessoas no consultório. Afinal, o público geralmente precisa de atendimento médico em diversas áreas da saúde, seja para si mesmo ou para familiares.

Coworking

Os coworkings são espaços compartilhados com outros profissionais e vêm se popularizando em diversas áreas de atuação, inclusive na saúde. Mais flexíveis, eles permitem o aluguel por tempo mais curto — seja por alguns dias da semana ou até mesmo algumas horas. São preparados com toda a estrutura necessária, desde móveis até conexão à internet. 

Além disso, o profissional não precisa se preocupar com questões burocráticas envolvendo seu trabalho, como lidar com custos operacionais, licenças e alvarás, por exemplo. Preocupações do dia a dia, como limpeza e segurança, também já estão cobertas.  

Vantagens de comprar consultório

Vamos começar falando a respeito das vantagens de comprar consultório, opção interessante para quem possui capital para investir e deseja se consolidar em uma região específica. Nesta modalidade, também é possível sublocar o espaço e dividir custos. Confira mais benefícios!

Definição da localização

Definir uma região de atuação e consolidar a presença em um determinado bairro ou cidade é algo que pode ser vantajoso para médicos e profissionais de saúde em geral. Especialmente quando se pensa em longo prazo, tornar-se conhecido do público e ter a confiança das pessoas de que elas podem contar com o atendimento necessário no mesmo lugar de sempre pode ser um diferencial.

Claro que tudo pode mudar por fatores incontroláveis. Ainda assim, ao comprar um consultório, a tendência é ficar no local por muitos anos. Isso ajuda a estabelecer um relacionamento com a comunidade e a criar vínculos com os pacientes, que se sentem mais seguros ao buscar atendimento de saúde.

Escolha da decoração

Decorar o consultório de forma criativa, aconchegante e funcional é parte do bom atendimento em saúde. Ainda que seja possível dar um toque personalizado em consultórios alugados, não há dúvidas de que um imóvel próprio amplia o leque de opções. Reformas, instalações elétricas e outros detalhes são viabilizados com mais liberdade quando se tem um consultório para chamar de seu.

Horários de atendimento

Um consultório próprio — especialmente se for uma casa independente, e não uma sala comercial em um prédio — também oferece mais liberdade para definir horários de atendimento e elaborar o agendamento médico. Não ficar restrito a horários impostos por condomínios pode ser bastante importante, dependendo do perfil do profissional de saúde e de seus pacientes.

Desvantagens de ter consultório próprio

Ainda que ter consultório próprio seja interessante em muitos casos, há alguns pontos que podem representar desvantagens para determinados profissionais de saúde. Fique atento para algumas questões importantes antes de tomar sua decisão.

Menos flexibilidade

Quando alguém decide alugar consultório, caso a iniciativa não traga os resultados esperados ou se deseje partir para uma mudança, fica mais fácil deixar tudo para trás e recomeçar em outro endereço. É claro que isso também é possível mesmo tendo um consultório próprio, mas é preciso refletir de forma mais profunda sobre essa decisão, pensar sobre o que fazer com o imóvel (vender ou disponibilizar para aluguel?) e arcar com custos de manutenção e impostos mesmo que não se consiga negociá-lo.

Custos mais elevados para investimento inicial

Para quem está no começo de sua carreira médica, talvez ainda não seja viável financeiramente adquirir um imóvel próprio para montar um consultório. É preciso ter o capital ou garantir a capacidade de pagamento de um financiamento antes de dar esse importante passo.

Por isso, muitas vezes é mais recomendável alugar consultório nos primeiros anos de atuação, sentir se o retorno de atuar naquela região é interessante e, então, partir para a aquisição do imóvel próprio.

Gastos com manutenção

Outra desvantagem de ter o consultório próprio é que a responsabilidade pela manutenção do ambiente é toda do proprietário. Quando se aluga um imóvel, é possível negociar e até dividir custos com o dono — e, em alguns casos, a responsabilidade é inteiramente dele. Em caso de problemas mais graves, como falhas estruturais, também é possível rescindir o contrato e partir para outra.

Prontmed Hub Teste Grátis

Benefícios de alugar consultório

Alugar consultório também tem suas vantagens. A seguir destacamos algumas delas.

Mais flexibilidade

A flexibilidade é um dos principais benefícios de alugar consultório. Atuar em um bairro para “testar” a adesão dos pacientes e ter a oportunidade de mudar caso o retorno não seja o esperado é uma delas. Para profissionais que desejam ter consultório em mais de uma cidade, a locação de um espaço também é uma excelente opção.

No caso de coworkings, a flexibilidade é maior ainda: é possível alugar consultório apenas para dias específicos e até mesmo para algumas horas. Isso é especialmente interessante quando se precisa atender um cliente com dificuldade de mobilidade (que pode ter sua vida facilitada ao percorrer um trajeto mais curto), quando não for possível superar os entraves do trânsito e, mais uma vez, quando é necessário receber uma pessoa em outra cidade.

Início imediato

Como já comentamos, no início da carreira nem sempre é viável comprar um imóvel próprio para receber os pacientes. Assim, alugar consultório permite dar um início imediato ao trabalho, ainda que com pouco capital para investimento.

Ambiente preparado

Muitas vezes, consultórios disponíveis para locação já vêm preparados para serem usados, sem necessidade de grande investimento em móveis, decoração e instalações hidráulicas. Por já terem sido utilizados com essa finalidade anteriormente, é possível conseguir um espaço equipado com as necessidades básicas para começar o trabalho.

Ainda que não estejam tão equipados assim, imóveis já criados com esse propósito geralmente tem uma planta baixa adequada para recepcionar pacientes, o que evita transtornos e gastos com obras. Isso já facilita bastante a instalação do consultório e o início dos atendimentos.

Por que alugar consultório pode ser ruim?

Ainda que tenha seus benefícios, alugar consultório nem sempre é a melhor opção. Avalie algumas desvantagens dessa modalidade.

Custos fixos mensais com aluguel

Ter que pagar o aluguel todos os meses torna-se um custo significativo para quem decide locar um espaço para receber seus pacientes. Assim, parte dos ganhos acaba se destinando a gastos operacionais, quando poderiam ir para o bolso do profissional de saúde ou, ainda, investidos em melhorias em um consultório próprio. Por isso, é fundamental analisar o impacto do aluguel nas finanças do consultório.

Menor possibilidade de personalização do ambiente

Quando se opta por alugar consultório, é preciso seguir as regras impostas pelo locador. Nem sempre o proprietário está disposto a aceitar alterações na estrutura do imóvel, que podem ser importantes para receber bem os pacientes.

Horários pré-definidos

Também pode haver uma limitação de horários para atendimento, dependendo de onde o consultório está instalado. Isso nem sempre é compatível com a necessidade do profissional de saúde e de seus pacientes.

Com este artigo, esperamos ter ajudado na reflexão a respeito desta importante decisão na hora de atuar como médico ou outra profissão da área da saúde: comprar ou alugar consultório? É preciso levar uma série de fatores em conta para fazer a melhor escolha, baseada no seu perfil, nas suas necessidades e nos seus planos para o futuro.

Ainda ficou com dúvidas ou quer se aprofundar no assunto? Leia nosso post sobre como montar consultório!

Marketing Prontmed

Marketing Prontmed

Deixe um Comentário:

Conteúdo relacionado

27 de setembro de 2022
Entenda a importância do prontuário psicológico na gestão de saúde.
13 de setembro de 2022
Conheça cases da Prontmed na construção da jornada digital do paciente.